Mais de 4.000 famílias de Macau beneficiaram da ajuda do banco alimentar

Macau, China, 22 jun (Lusa) -- Mais de 4.000 famílias, ou um universo superior a 7.000 pessoas, beneficiaram da ajuda do banco alimentar em Macau desde setembro de 2011, disse agência Lusa o secretário-geral da Caritas.

A gestão do banco alimentar, criado pelo executivo de Macau em 2009 para proporcionar alimentos de primeira necessidade aos mais desfavorecidos, foi entregue à Cáritas em setembro de 2011.

O Instituto de Ação Social (IAS) prolongou, no ano passado, a gestão do serviço de apoio alimentar de curto prazo pela Caritas até ao final de 2014.

A fim de chegar a mais famílias que se encontram à margem da rede de subsídios ajudando-as a fazer face à inflação -- que atingiu 5,89% em maio último --, o IAS foi alargando o prazo do apoio -- atualmente é de dez semanas -- e reviu em alta o apoio alimentar diário 'per capita' de 32 para 36 patacas (de 3 para 3,3 euros).

Nas Linhas de Ação Governativa para 2014, o chefe do executivo de Macau, Fernando Chui Sai On, também anunciou o aumento do montante do limite máximo de rendimentos de 1,7 vezes para 1,8 vezes relativamente ao valor do índice mínimo de subsistência, a fim de alargar o universo de elegíveis.

A partir de 01 de julho, o valor do índice mínimo de subsistência vai passar de 3.670 para 3.800 patacas (de 332 para 334 euros) no caso de um agregado composto por um elemento.

No caso de agregados familiares compostos por oito ou mais pessoas, por exemplo, o valor é atualizado de 17.160 para 17.730 patacas (de 100 para 123 euros).

Além do Plano de Apoio Alimentar de Curto Prazo -- designação oficial do programa --, a Caritas presta outro tipo de apoios aos mais carenciados.

Atualmente, gere oito lares, quatro dos quais destinados a idosos, a sem-abrigo, contando mais de 40 que retirou das ruas, bem como a jovens e a portadores de deficiências, dispondo, entre outros serviços, de uma linha telefónica para aconselhamento intitulada "Life Hope", que funciona 24 horas por dia.

Segundo Paul Pun, no ano passado, a linha registou 16.460 chamadas.

Os fundos continuam a ser o principal desafio da Caritas que, em 2013, recebeu donativos no valor de 1 milhão de patacas (cerca de 92 mil euros).

Fundada em 1951, a Caritas Macau dá trabalho a cerca de 700 pessoas e conta com um universo de aproximadamente 500 voluntários.

DM // VM

Lusa/Fim



Turismo para dinamizar relações

União Europeia (UE) aposta no turismo e tecnologias verdes para reforçar laços com Macau. Chefe do Gabinete da UE para Macau e Hong Kong também salienta cooperação jurídica e reforço de direitos como vetores importantes.  O turismo será a próxima área chave para a cooperação entre União Europeia (UE) e Macau, referiu ao PLATAFORMA Carmen

“Estou muito atento à questão dos direitos, liberdades e garantias”

Leonel Alves diz ter algum receio face a eventuais alterações ao Código Penal e Código de Processo Penal. Salienta que é preciso preservar os direitos fundamentais e defende diálogo com especialistas da China continental.  Considera que o futuro Chefe do Executivo deve ter um bom conhecimento económico, mas não exclui nenhum dos nomes mais falados:

Maioria absoluta, mas não total

A coligação opositora em Timor-Leste venceu as eleições com maioria absoluta, derrotando nas urnas o partido no poder, a Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin).  Este resultado põe fim a oito meses de tensão política no país, mas não dá o poder político total à Aliança de Mudança para o Progresso (AMP), liderada por Xanana

Mão pesada para Sulu Sou

O Ministério Público pediu pena de prisão efetiva para o deputado suspenso Sulu Sou e para o ativista Scott Chiang durante o julgamento que envolve os dois membros da Associação Novo Macau, segundo o canal português da Rádio Macau. Ambos são acusados do crime de desobediência qualificada na sequência de uma manifestação organizada em 2016

EDP: Mercado à espera que CTG suba a parada

O valor oferecido pela China Three Gorges pelo controlo da EDP é considerado baixo pela administração da empresa, analistas e mercado – que segue a valorizar as cotações da elétrica acima da proposta de OPA. Com o mercado a dar mais pela EDP do que a China Three Gorges, são fortes as expectativas de uma

Vida depois do “fim do mundo”: Wenchuan dez anos depois

Em Beichuan, província de Sichuan, o tempo parou. Nesta cidade que em tempos alojou 160 mil pessoas, os únicos sinais de vida hoje são as borboletas que sobrevoam os destroços das habitações, edifícios e carros destruídos.  No dia 12 de maio de 2008, às 14 horas e 28 minutos, Sichuan foi atingido por um terramoto