Blue Painting

KANDINSKY NO BRASIL ATÉ SETEMBRO DE 2015

 

Ainda há quase um ano para se assistir a uma exposição imperdível: uma viagem pela obra do pintor russo Wassily Kandinsky, pelas raízes do seu pensamento, as influências marcantes de sua trajetória artística, a sua relação com a espiritualidade e a cultura popular.

A exposição Kandinsky: Tudo Começa Num Ponto promete um mergulho completo no universo criativo de um dos pintores mais influentes do século 20, considerado o pioneiro do abstracionismo.

São mais de 150 peças, que incluem quadros de todas as fases do pintor, símbolos religiosos, roupas, instrumentos e tambores usados em rituais do xamanismo – corrente espiritual russa importante para a arte de Kandinsky -, ilustrações, coleções de objetos de cerâmica, xilogravuras litografias, além de trabalhos de artistas que influenciaram e se relacionaram com Kandinsky.

É a primeira vez que uma exposição como essa sai da Europa. A mostra fica no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de Brasília até janeiro, quando segue para o Rio de Janeiro; para Belo Horizonte, em abril; e para São Paulo, em julho.  A entrada é gratuita.

 

Artigos relacionados

 
 

Índios receiam ameaças do novo Governo

Os índios brasileiros temem que se concretizem as promessas políticas do novo Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, de atacar os direitos das comunidades tradicionais. As primeiras medidas políticas para o setor estão a acentuar os receios.  Leia mais em Plataforma Media. Carolina de Ré 18.01.2019 Exclusivo Lusa/Plataforma Macau

“Os portugueses não podem ser só os expatriados”

O novo cônsul de Portugal em Macau e Hong Kong defende a importância dos macaenses e dos chineses com nacionalidade portuguesa. Paulo Cunha Alves não teme a integração da cidade no Continente e olha para o projeto da Grande Baía como uma oportunidade da comunidade e cultura portuguesas se afirmarem. O português, diz, pode ser

O Fringe atinge a maioridade

O Festival Fringe de Macau está a completar 18 anos. Para a vice-presidente do Instituto Cultural (IC), Leong Wai Man, no ano em que atinge a maioridade, o festival quer “fazer emergir a arte na sociedade (…) visando proporcionar ao público novas experiências”.  Leia mais em Plataforma Media. Margarida Sajara Vidinha 18.01.2019

País em contagem decrescente

Depois do período natalício praticamente estagnado – até a recolha do lixo na capital esteve praticamente suspensa – Timor-Leste retomou, lentamente, a atividade com todos os olhos postos no Palácio da Presidência. Leia mais em Plataforma Media. António Sampaio 18.01.2019 Exclusivo Lusa/Plataforma Macau

Mercado de dívida mais internacional

Portugal e Paquistão avançam em 2019 para a emissão de ‘panda bonds’. BNP Paribas tem autorização para investir no mercado. Leia mais em Plataforma Media. Maria Caetano 11.01.2019

Estreito de desentendimento

Apesar do discurso do presidente chinês, Xi Jinping, Taipé recusa termos propostos e diálogo político permanece distante. Governo de Macau dá apoio total à iniciativa do Presidente. Leia mais em Plataforma Media. José Carlos Matias 11.01.2019